Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

vacina
Biguaçu inicia vacinação de gestantes, puérperas e lactantes contra a COVID-19

Publicado em 19/06/2021 às 12:26 - Atualizado em 21/06/2021 às 11:58

Com a chegada de nova remessa de imunizantes ao município, a Secretaria Municipal de Saúde dará continuidade ao cronograma de vacinação contra a COVID-19. Nesta segunda-feira e na terça-feira, 21 e 22 de junho, será realizada a imunização de gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto) com 18 anos ou mais, com ou sem comorbidades, e de lactantes. Conjuntamente a esses grupos serão vacinadas as pessoas com idade a partir de 47 anos, que não conseguiram receber a vacina na última sexta-feira (18).

 

Os pontos disponibilizados a esses grupos continuam os mesmos das últimas etapas: em sistema Drive Thru, na Univali, bairro Universitário, e para pedestres no auditório da Biblioteca Pública Municipal, no bairro Centro. O horário será das 8h às 16h, nos dois locais.

 

Os documentos necessários são um documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência e Cartão Nacional do SUS (se possuir). Grávidas deverão apresentar carteira de acompanhamento pré-natal, puérperas deverão apresentar declaração ou certidão de nascimento da criança e assim como as mulheres que estejam amamentando, todas devem apresentar prescrição ou declaração médica com a indicação da vacina contra o Coronavírus.

 

A vacinação de lactantes deverá atender aos seguintes critérios e datas:

 

1. Lactantes que amamentam crianças com até 6 meses de idade: poderão ser vacinadas a partir de 19 de junho;

2. Lactantes que amamentam crianças entre 6 meses e 1 ano de idade: poderão ser vacinadas a partir de 26 de junho;

3. Lactantes que amamentam crianças entre 1 e 2 anos de idade: poderão ser vacinadas a partir de 03 de julho;

4. Lactantes que amamentam crianças maiores de 2 anos de idade: poderão ser vacinadas a partir de 10 de julho.

 

Grupos remanescentes

 

De acordo com a Secretaria, a vacinação de pessoas pertencentes aos grupos prioritários contemplados em etapas anteriores, que não tenham recebido a vacina por qualquer motivo, será priorizada a qualquer momento e poderão comparecer aos pontos de vacinação indicados acima.

 

Comorbidades, idosos e segunda dose

 

Na Policlínica Municipal segue sendo realizada a vacinação de pessoas com comorbidades com agendamento às segundas, terças e quartas-feiras. As pessoas pertencentes a esses grupos devem efetuar o cadastro neste link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfW3mtVnluJrc2l7R3v13Jq2MwAhr4EXXd7u9YGSNVWhiHgTA/viewform?usp=sf_link  e anexar o comprovante médico da comorbidade informada.

 

Quem já completou o período para receber a segunda dose (cerca de 28 dias para a Coronavac/Sinovac/Butantan e cerca de 90 dias para a AstraZeneca/Oxford/Fiocruz) também devem procurar a Policlínica às quintas e sextas-feiras, das 8h às 16h, sem necessidade de agendar.

 

Veja os documentos necessários:

 

Pessoas com comorbidades (geral) - documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se possuir), comprovante de residência e cópia do comprovante da comorbidade, que pode ser um atestado médico com a indicação para vacinação, uma prescrição médica, exames ou receitas que deixem claro a condição do paciente e declaração do serviço de saúde onde o usuário faz tratamento. No caso de obesidade, será aceito também um laudo emitido por nutricionista ou enfermeiro.

 

Gestantes e puérperas (com comorbidades) - documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se possuir), comprovante de residência, comprovante da gestação ou certidão de nascimento da criança, cópia do comprovante da comorbidade (conforme citado acima) e comprovante de vacinação contra a Influenza (caso já tenha recebido).

 

Idosos com 60 anos ou mais - documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se possuir) comprovante de residência e de vacinação contra a Influenza (caso já tenha recebido).

 

Segunda dose - documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se possuir), comprovante de residência, comprovante de recebimento da primeira dose e de vacinação contra a Influenza (caso já tenha recebido).

 

A Secretaria de Saúde destaca ainda a importância de verificar o intervalo mínimo entre a vacina contra COVID-19 e qualquer outra vacina, sendo necessário 14 dias entre as doses.

 

A Policlínica Municipal fica na Rua Vereador Emídio Amorim Veríssimo, nº 114, no bairro Praia João Rosa.

 

Vacinação Solidária

 

A campanha Vacinação Solidária continua a ser promovida conjuntamente com a aplicação dos imunizantes. Quem quiser contribuir e ajudar famílias em situação de vulnerabilidade social do município, deve levar 1kg de alimento não-perecível no local da vacinação.

 

Central COVID

 

Dúvidas e mais informações sobre a vacinação e o Coronavírus, ligue para a Central COVID, no número 0800 6012282. A ligação é gratuita e o atendimento é realizado por profissionais da Secretaria Municipal de Saúde. Se preferir, envie mensagens para o WhatsApp (48) 99194-3376.O funcionamento da Central COVID é de segunda-feira a sábado, das 9h às 18h.